18 de jul de 2010

O que me aquece...


Não sei se é porque hoje está frio e nestes dias, em especial, a gente percebe melhor o que nos aquece...
Voltar pra casa, cachorro abanando o rabinho feliz com a minha volta, telefonema da Lu, beijo do filho que dormiu fora, almoço com a família reunida, risadas à mesa, conversinha boba com amigos no Facebook, um gesto de carinho e um sorrisão como resposta e um sentimento de que está tudo como deveria estar.
 Hoje, isso tudo aqueceu minha alma... E o domingo ainda está pela metade...
Então, pode até nevar lá fora porque aqui, dentro de mim, é verão!

13 de jul de 2010

Saudade



Como quando se tira um vestido velho do baú,

um vestido que não é para usar,

só para olhar.

Só para ver como ele era.

Depois a gente dobra de novo e guarda

mas não se cogita em jogar fora ou dar.

Acho que saudade é isso.





7 de jul de 2010

O melhor lugar do mundo


Um ponto de partida
e no meio do caminho - você!
Com seu olhar desconcertante
me idolatrando sem que eu saiba por que...

Um ponto de chegada
e no final do destino - você!
Com seu olhar paciente
me esperando sem perguntar, por quê?

E nas minhas idas e vindas
nenhuma dúvida: é você!
O melhor lugar do mundo
e eu sei bem porquê!

1 de jul de 2010

Que seja doce...


 
Que seja doce...
O que sai de sua boca
O olhar que você atrai
O sorriso que lhe escapa
O brilho da sua aura.

Que seja doce...
o seu amanhecer
O sono, o sonho;
A canção da sua vida
O escrito no bilhete
A lembrança naquela foto.

Que seja doce...
A lágrima que cai
A saudade que vem e vai
O abraço inesperado
Uma, duas... tantas amizades.

Que seja doce...
A busca
A rotina
E até mesmo o momento
que por hora desatina.

Que seja doce...
Todo filho deveria ter
localizador GPS,
tecla pause,
amortecedor de impacto
e futuro garantido nas opções:
iluminado, brilhante e cintilante.